Assim

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×


Cheguei com uma gripe braba que tá me deixando mais de molho do que eu gostaria, montes de coisas atrasadas por fazer e uma viagem a trabalho em cinco dias – plisss, sejam pacientes com a lerdeza pra terminar os posts sobre a Normandia e contar as coisas que faltam da Espanha e de Paris .
Aliás, falando em Normandia, publiquei hoje lá no Saia pelo Mundo um post legalzinho com o meu “best of” dessa região pela qual me apaixonei – penso seriamente em repetir o esquema Toscana lá no futuro, alugando uma casinha de pedra em Carteret pra passar dias doces e tranquilos, cheios de #ohlalafeelings.
E aproveito pra deixar aqui com vcs uma das melhores definições da minha relação com o velho continente. Li no fofíssimo Hipparis.com, de autoria de Tory Hoen – “I think part of the problem is that the structure of my days changes completely when I cross the ocean. On the European side, time expands and flows and I rarely even know (or care) what day it is. Here, on the rational side of the Atlantic, I’m over-scheduled from morning until night. It goes something like this” – me identifiquei muito 🙂

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

About the author

Mari Campos é jornalista formada e especializada em turismo e lifestyle de luxo, e colabora exclusiva e regularmente como freelancer há mais de treze anos com textos e fotos sobre o tema para portais, revistas e jornais no Brasil e em outros oito países. O conteúdo deste post foi elaborado e decidido pela autora tendo como único critério a relevância do assunto para os leitores do MariCampos.com. A menos que esteja escrito explicitamente "post patrocinado" em letras maiúsculas no início do texto do post, não há qualquer tipo de vínculo ou parceria comercial/editorial com as empresas, estabelecimentos e/ou serviços citados no texto nem qualquer tipo de remuneração pelo mesmo.