Cafés e drinks em Amsterdã

1 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 1 1 Flares ×

Onde tomar ótimos cafés e #bonsdrinks na capital holandesa

 

 

 

 

Eu estive em Amsterdã pela última vez na segunda quinzena de maio, antes do início do verão europeu. Mas peguei dias tão bonitos e quentes que o clima na cidade era de veranico mesmo – com roupas curtas e sem maga e muita gente nas ruas, dia e noite. Talvez por isso mesmo os happy hours e bares da cidade já estivessem tão lotados (sem falar na quantidade impressionante de “party boats” navegando pelos canais a partir do final da tarde).

No Sala Vip do Viagem Estadão eu publiquei um textinho novo com meus quatro restaurantes favoritos desta última (e breve) passagem pela cidade. E aqui eu aproveito para deixar, com base no que deu tempo de provar, uma listinha dos meus bares e cafés prediletos em Amsterdã. Vamos lá:

CAFÉS

Vascobello. Dica acertadíssima do casal Ducs Amsterdam: foi lá que nos encontramos para bater papo regado a um excelente capuccino, cheio de espuma e sabor. O ambiente super relax é uma delícia, misturando espaços para quem quer trabalhar, quem quer tomar um café com amigos, quem quer comer e até para quem está com crianças. Excelente pedida, em 3 endereços diferentes na cidade.

Scandinavian Embassy. Todo minimalista, tem também uma qualidade excelente de café oriundo de pequenos produtores escandinavos – principalmente para quem gosta de café mais encorpado nos lattes e capuccinos da vida. Todo minimalista, vive cheio e é difícil resistir às delícias nórdicas que eles propõem para acompanhar o café (as trancinhas de canela são divinas!).

Lot Sixty-One.  Pequenininho e cheio de luz natural, esse café também mói seus grão ali mesmo. Tem mesa grande no interior para quem fica para trabalhar, mas o mais gostoso é sentar do lado de fora se o dia estiver ensolarado.

Koffie Academie. Um café escurinho mas cheio de pop art e com excelente qualidade de café (os grãos vêm de várias partes diferentes do mundo mas são tostados e moídos ali mesmo). Ambiente gostoso e descontraído e tudinho ali está à venda: cafés, pães, doces, objetos e quadros na parede e até os móveis.

Coffee Bru. Inspirado nos cafés sul-africanos (pra quem não sabe, Joanesburgo, por exemplo, tem cafés incríveis!), tem uma atmosfera deliciosa, meio hipster, e um ótimo terraço externo. Tem área para crianças também.

The Coffee Virus. Gostei deste café antes mesmo de conhecê-lo, só pelo nome (#meidentifico :D). Cheio de jornalistas e jovens artistas, o lugar é mesmo uma delícia: na decoração, no serviço, na trilha sonora… e o café ainda é preparado em máquinas incríveis como V60-1, Aeropress e Syphon. Serve comida também.

Cut Throat Barber & Coffee. Este, infelizmente, é quase gentlemen only: a mais antiga barbearia, aberta na década de 30, foi convertida numa barbearia ultra hipster que divide espaço com um delicioso café durante o dia e um animado bar e club do final da tarde em diante.

BARES

Hét Terras. O terrace bar do adorável Hotel de L’Europe é O lugar para tomar um drink no final da tarde. Bem no centro de Amsterdã, um bar descontraído, ótimos coquetéis, sempre cheio e ainda de boca no canal para fazer o melhor people watching do final da frente, com os barcos cheios de gente passando bem na nossa frente. Se bater a fome, serve também os deliciosos pratos da Hoofdstad Brasserie. Programaço – mas só funciona até outubro.

Ma’dam. O novo hotspot da A’DAM TOWER tem não apenas coquetéis deliciosos como a vista mais gostosa da cidade: dá pra ver Amsterdã todinha lá do alto! Mas faça reserva, porque o bar lota (mesmo!) – e com reserva você não paga para curtir o mirante externo A’DAM Lookout. Se quiser esticar para jantar, a cozinha é deliciosa (tá lá na minha recomendação de restaurantes mais gostosos da cidade). Quando a cozinha fecha vira um badaladíssimo lounge bar.

HPS – Hiding in Plain Sight. Um bar DELICIOSO para quem curte a atmosfera dos speakeasy bars dos anos 20. Até os barmen e barwoman parecem saídos dos tempos de Capone. Música ao vivo e drinks per-fei-tos.

Door 74. Mais que um speakeasy, abusa da coisa do bar secreto. É obrigatório reservar, se não a tal porta 74 nem se abre pra gente. Ambiente gostoso, escurinho, boa música e coquetéis irrepreensíveis. Vale experimentar os exclusivos da casa: as combinações parecem descabidas, mas o efeito é geralmente bem-sucedido.

Canvas. Instalado no Volkshotel. Restaurante e café de dia, vira bar+club animado à noite, com playlist muito eclética. Os preços são consideravelmente mais baixos que em outros bares na cidade, o que justifica o fato de estar sempre lotado, mesmo em pleno meio de semana.

Tim-tim 😉

 

 

Clique aqui para:

Ler mais sobre Amsterdã no blog

Ler mais sobre a Holanda no blog

Ler dicas sobre restaurantes em Amsterdã

Ler as dicas incríveis do Ducs Amsterdam sobre a cidade

Procurar hotéis em Amsterdã

1 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 1 1 Flares ×

About the author

Mari Campos é jornalista formada e especializada em turismo e lifestyle de luxo, e colabora exclusiva e regularmente como freelancer há mais de treze anos com textos e fotos sobre o tema para portais, revistas e jornais no Brasil e em outros oito países. O conteúdo deste post foi elaborado e decidido pela autora tendo como único critério a relevância do assunto para os leitores do MariCampos.com. A menos que esteja escrito explicitamente "post patrocinado" em letras maiúsculas no início do texto do post, não há qualquer tipo de vínculo ou parceria comercial/editorial com as empresas, estabelecimentos e/ou serviços citados no texto nem qualquer tipo de remuneração pelo mesmo.