Compras em Toronto

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×
Lojinhas cheias de conceito são a cara de Toronto

 Embora a cotação do dólar canadense frente ao dólar americano não seja mais tão camarada quanto já foi, fiquei surpresa em ver em Toronto também um belo destino para compras. Tem o tipo de “compras” que eu curto, com muitas lojas espalhadas pelas ruas, daquele jeito de comprar gostoso ao estar passeando e, opa!, uma vitrine legal, entrar, comprar. Mas também tem shoppings imensos, do jeito que os brasileiros adoram, de outlets a malls de luxo, e vi muita gente investindo no turismo de compras por lá.

Comércio bombando também “debaixo da terra”, nas ruas do The Path
St Lawrence: peças únicas e ótimas compras para foodies

 MALLS
Para quem curte a muvuca e a praticidade dos malls, o preferido dos brasileiros é o Toronto Eaton Centre, que tem localização excelente, no centro, e é fácil chegar ali de qualquer ponto da cidade. É um shopping bonito, com ares de “arejado” e tem da low cost Forever 21 (que virou a nova febre das brasileiras, não me perguntem por que) à Apple Store. Os mais saudosos vão curtir ver ali uma imensa Sears, de vários andares e departamentos 😀
Para quem quer a comodidade do mall encontrando das lojas mais fast fashion como Zara às big brands como Gucci, o Yorkdale é o o canal. O shopping mais upscale de Toronto é lindo, a oferta de lojas é impressionante (meninas, tem uma Sephora enorme lá) e tem a melhor praça de alimentação que eu já vi (umas 20 nacionalidades envolvidas nas opções tipo fast food e você pode, sem custo, reservar mesa para o horário que você pretende almoçar); e tem também restaurantes à la carte, é claro. O metrô também para em frente do Yorkdale.

Tem um quê de Times Square, mas não é 😉

Nessa linha de malls tchans, vale também espiar o Hazlenton Lanes e as boutiques do Don Mills.
Para os loucos por outlets, o negócio é aproveitar o ônibus gratuito que vai do centro para o grandão Vaughan Mills ou tomar um táxi ao gigante Dixie Outlet Mall, cujas 135 lojas prometem até 70% de desconto em tudo.

As lojas do circuito Bloor-Yorkville

 STREET SHOPPING
Para os fãs de street shopping, a boa, para mim, é rumar para as lojinhas “vintage chic” da Queen West e curtir o apinhado adorável de ateliês de jovens estilistas, lojinhas de roupas, antiquários (bom para pechinchar bijoux). Em West Queen West (falo dela também no post sobre o art+design district) você encontra os designers mais queridinhos do momento por lá, como Brian Bailey e Anne Hung.

Lojinhas de Museu (essa do ROM): como não amar?
Jovens estilistas dão sua cara no circuito vintage-chic

 Para quem quer peças únicas e, sobretudo, excêntricas, o negócio é fuçar os estabelecimentos de Kensignton Market, considerado um dos melhores mercados de rua da América do Norte. A curiosa mistura de lojinhas latinas, árabes, européias e orientais (a Chinatown é logo ao lado) rende – algumas peças chegam a ser hilárias. No St. Lawrence Market (excelente para comprinhas foodie!) e nas lojinhas do adorável Distillery District você também vai encontrar várias peças, de roupas e bijoux a objetos para a casa, nessa linha one of a kind
Quem quer comprar marcas de luxo – ou fazer uma boa window shopping – tem que rumar para o circuito Bloor-Yorkville. As lojas estão localizadas quase lado a lado, as calçadas são largas, boas de caminhar, e tem cafés gracinha para fazer uma parada e praticar o people-watching. A Bloor St, aliás, é chamada localmente de algo como “milha do vison” por reunir em sequência Pradas, Chanels e Guccis da vida. E por ali também ficam deliciosas lojas de museus, como do ROM e do Bata Shoes (a da AGO fica mais afastada mas também é marvilhosa!)

O Yorkdale é boa opção para quem curte um grande shopping center

E, last but not least, uma experiência de compras (ou window shopping) interessante é olhar as lojinhas do The Path, o caminho subterrâneo construído para os dias mais frios da cidade, mas que funciona o ano todo – mas prepare-se: são 27km de corredores subterrâneos.

Em tempo: para fãs de Boots, Duane Readers e afins, as farmacinhas boas de compras em Toronto são as Shoppers

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

About the author

Mari Campos é jornalista formada e especializada em turismo e lifestyle de luxo, e colabora exclusiva e regularmente como freelancer há mais de treze anos com textos e fotos sobre o tema para portais, revistas e jornais no Brasil e em outros oito países. O conteúdo deste post foi elaborado e decidido pela autora tendo como único critério a relevância do assunto para os leitores do MariCampos.com. A menos que esteja escrito explicitamente "post patrocinado" em letras maiúsculas no início do texto do post, não há qualquer tipo de vínculo ou parceria comercial/editorial com as empresas, estabelecimentos e/ou serviços citados no texto nem qualquer tipo de remuneração pelo mesmo.