Cooking Class no Centro Alain Ducasse na Toscana

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×
Uma fotinho da lindíssima propriedade de Mr.Ducasse na Toscana

 Participar de uma cooking class numa viagem à Toscana, seja ela qual for, é meio que um must do em qualquer viagem a essa adorável região italiana. A gente pode se inscrever em qualquer aula de culinária da tiazinha da esquina ou do hotel em que estamos hospedados que é sempre um baita prazer – afinal, cozinha italiana é tão boa que até quando dá errado é uma delícia! 😀

A faca só faz figuração; mas o avental a gente veste na aula e depois leva de lembrança pra casa

 Então foi muito feliz da vida que, durante meus últimos dias toscanos, aceitei um convite para me juntar a uma cooking class do Centro Alain Ducasse que fica no belíssimo L´Andana, na região de  Grosseto. A família Luz já tinha feito a cooking class do Andama; então eu estava empolgada.

A apresentação dos “equipamentos” a serem utilizados na aula

Quem dá o curso é o chef Omar Agostini, pupilo de Ducasse, que mantem no Trattoria Toscana a celebrada estrela Michelin conquistada em 2007. O Omar é bem prático e de pouca conversa, mas é simpático; na aula dele rolam pouquíssimas brincadeiras, mas ele faz questão que todo mundo beba vinho durante a atividade 😀

Ele mostra empolgado: “o movimento tem que ser sexy na preparação de uma massa” o.O

Na minha aula, o prato em questão era a “chitarrina”, uma massa caseira feita com iogurte. Com 3 homens e 3 mulheres na cozinha, deixamos os meninos fazerem a parte chata de picar a cebolinha, por exemplo, mas todo mundo colocou, literalmente, a mão na massa.

Cada um faz suas bolinhas de massa…

 A parte boa foi que o Omar ensinou o pulo do gato na hora de “misturar” todos os ingredientes, que é algo que os cozinheiros de primeira viagem dificilmente aprendem.

… e la vai o chef “refazê-las” para que fiquem perfeitinhas

 Mas legal mesmo foi cortar a massa na máquina (em casa é na base da faca messss) e ver ela sair lindinha em tiras – embora nem de longe as tirinhas fossem lindas como as do chef, é claro.

Cada montinho são as tirinhas de massa feitas por um aluno…
… e essas são as do Chef, é claro

 No final da aula, terminada a “pressão” :-D, Omar relaxou e até bateu um papinho bem-humorado com os alunos, enquanto todo mundo ganha “certificado” de participação.

Ele bate um papinho após a entrega dos…
… certificados (desculpaê :P)

A aula é metódica, como toda aula dada por chef mais tradicional (as aulas das mammas italianas costumam ser mais empiricas e interessantes – mas vale saber que elas também são bem mais bravas, em geral o.O), mas foi uma experiência bem bacana para preencher uma tarde linda de quase primavera.

A massa fresca  espalhada pela mesa de trabalho, esperando para ir ao fogo…
… e depois já preparadinha, com abobrinhas e tudo, pra gente degustar

Para os interessados, o corso di cucina do Andana vale 140 euros por pessoa.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

About the author

Mari Campos é jornalista formada e especializada em turismo e lifestyle de luxo, e colabora exclusiva e regularmente como freelancer há mais de treze anos com textos e fotos sobre o tema para portais, revistas e jornais no Brasil e em outros oito países. O conteúdo deste post foi elaborado e decidido pela autora tendo como único critério a relevância do assunto para os leitores do MariCampos.com. A menos que esteja escrito explicitamente "post patrocinado" em letras maiúsculas no início do texto do post, não há qualquer tipo de vínculo ou parceria comercial/editorial com as empresas, estabelecimentos e/ou serviços citados no texto nem qualquer tipo de remuneração pelo mesmo.