Para onde ir em 2017

1 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 1 Pin It Share 0 1 Flares ×

antártidaQue lugares do mundo devem atrair mais os turistas no ano que vem

 

 

 

Chega dezembro e com ele aquela sensação bem clara de que o ano está terminando e o ano novo num piscar de olhos já estará aí. E é bem nesta época que pipocam as listas e matérias em revistas e suplementos de viagem recomendando o famosos “where to go in 2017”.

Recebi a lista elaborada pela Virtuoso sobre o tema e resolvi colocar o MariCampos.Com na dança das publicações de listas viajantes também 🙂

A Virtuoso®, como já comentei aqui, é a agência líder global de viagens e experiências de luxo, com mais de 390 agências e mais de 11 mil agentes de viagem especializados no mundo. E eles acabam de divulgar os resultados do seu report anual sobre quais devem ser os principais destinos e tendências no mercado de viagens de luxo para o próximo ano.

Dentre as novidades, o Virtuoso Luxe Report 2017 traz também resultados específicos para o Brasil, com as pesquisas nacionais apontando Portugal, Japão e África do Sul como grandes destinos para brasileiros em 2017. EUA e Itália também continuam entre os preferidos e as viagens internacionais com uma semana de duração devem continuar sendo a preferência da maioria do público deste segmento.

O report aposta que, mais do que nunca, as viagens serão pautadas principalmente por aventuras em áreas menos exploradas e experiências locais cada vez mais personalizadas. Dentre os principais destinos emergentes, aparecem, nesta ordem, Portugal, Japão, África do Sul, Cuba, Índia, Myanmar, Antártica, Galápagos, Brasil e Islândia.

safári na África do Sul

Para viagens em família, África do Sul, EUA, Itália, Australia, Portugal, Brasil, Bahamas, México, Turks&Caicos, Grã-Bretanha, França e Chile. Para aventura, África do Sul, Nova Zelândia, Austrália, Galápagos, Costa Rica, Chile, Antártica, Canadá, Botswana, Quênia, Tanzânia, Tailândia e Islândia. E para lua-de-mel, Maldivas, Itália, Polinésia Francesa, África do Sul, St Barth, Tailândia e Grécia.

Em âmbito mundial, Cuba, Islândia, Croácia, África do Sul e Japão são apontados como os principais destinos emergentes. Vale destacar que a ONU elegeu 2017 como o ano do Desenvolvimento do Turismo Sustentável, o que torna este tópico relevante. Por isso mesmo, o report recomenda priorizar destinos em profunda transformação (como Cuba) ou em risco de desaparecimento (como o Ártico, por causa do derretimento das geleiras, que vem impactando a vida selvagem da região).

Na minha imensa listinha pessoal para 2017, tenho desejos de Irã, Tahiti, Japão e alguns destinos africanos, por exemplo, além do retorno a lugares como Grécia e Antártica. O retorno a algumas cidades específicas, como Paris , ainda que por poucos dias a caminho de um outro destino, também estão sempre na minha lista, todos os anos 🙂

E você? o que está na sua listinha de desejos viajantes para o ano que vem?

                   

Em tempo: como leitora assídua do suplemento de viagem do New York Times, da Conde Nast e da Travel+Leisure, recomendo muito vocês espiarem nos próximos dias também as listinhas de eleitos destas publicações também – seja para se inspirar ou sonhar 😉

1 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 1 Pin It Share 0 1 Flares ×

About the author

Mari Campos é jornalista formada e especializada em turismo e lifestyle de luxo, e colabora exclusiva e regularmente como freelancer há mais de treze anos com textos e fotos sobre o tema para portais, revistas e jornais no Brasil e em outros oito países. O conteúdo deste post foi elaborado e decidido pela autora tendo como único critério a relevância do assunto para os leitores do MariCampos.com. A menos que esteja escrito explicitamente "post patrocinado" em letras maiúsculas no início do texto do post, não há qualquer tipo de vínculo ou parceria comercial/editorial com as empresas, estabelecimentos e/ou serviços citados no texto nem qualquer tipo de remuneração pelo mesmo.