Hotel review: Grand Hotel Aston, Nice

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×
Um quarto twin com duas camas grudadas não é lá muito legal, né?

 Durante todos os dias em que estivemos zanzando pela Côte d´Azur, no sul da França, a hospedagem prevista no pacote da Biarritz foi no Grand Hotel Aston, em Nice .
Comprado pelo grupo Clarion, o Aston está sendo todo renovado – o que, convenhamos, era mesmo necessário. As renovações estão começando de cima para baixo; assim, se puder, peça um quarto do 4o. andar para cima, que ali já estão todos reformados.

 O quarto é pequeno mas bem organizado. Cama boa, bastante armário, bom banheiro, LCD, wifi grátis. O ruim ali foi o fato de, pela falta de espaço, as duas camas single ficarem grudadas; bem chato pra quem não viaja em casal.

 O pessoal da recepção é seco e pouco amistoso, mas o pessoal do café da manhã é simpático e muito, muito solícito. O café, servido em sistema buffet, é bem farto e gostoso, com 3 mesas distintas oferecidas, entre frios, cereais, pães e pratos quentes.

 No final de tarde, o rooftop bar dos dois últimos andares fica lotado, lotado: dali (onde ficam também o solário e a mini piscina), se vê toda a orla de Nice, com a luz do sol se pondo (do lado oposto) batendo perfeita nos prédios da cidade antiga, uma lindeza. Bons drinks e petiscos à la carte e também um esquema legal de apperitif à la italiana – uma mesinha de antepastos  for free na compra de qualquer bebida ou cocktail das 19 às 21h.

Mas o melhor mesmo do Aston, na minha opinião, é a localização: em pleno coração da cidade antiga, a passos das ruelas adoráveis do centrinho e da Promenade (a avenida beira-mar), a literalmente uma quadra da praça Massena e de toda a zona do comércio, e com o trem de superfície parando praticamente em frente. 

Mais mão na roda, acho difícil 😉


P.S. Sorry pela qualidade ruim das fotos do hotel. Foram pouquíssimas que consegui salvar 🙁

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

About the author

Mari Campos é jornalista formada e especializada em turismo e lifestyle de luxo, e colabora exclusiva e regularmente como freelancer há mais de treze anos com textos e fotos sobre o tema para portais, revistas e jornais no Brasil e em outros oito países. O conteúdo deste post foi elaborado e decidido pela autora tendo como único critério a relevância do assunto para os leitores do MariCampos.com. A menos que esteja escrito explicitamente "post patrocinado" em letras maiúsculas no início do texto do post, não há qualquer tipo de vínculo ou parceria comercial/editorial com as empresas, estabelecimentos e/ou serviços citados no texto nem qualquer tipo de remuneração pelo mesmo.