Mais sobre Santiago

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

Vocês sabem que o Chile é meu país favorito na América do Sul. Mas Santiago não é, ao menos não ainda, minha capital favorita por essas bandas do globo – tanto que paro em Santiago muito menos vezes do que pouso em seu aeroporto internacional.
Ainda assim, a verdade é que, cada vez que vou a Santiago gosto mais: a cidade continua arborizada, limpa e anda ganhando uns ares mais modernosos, mais sedutores, que me agradam muito. No quesito restaurantes, já não perde em nada para Buenos Aires: da cozinha chilena “de raiz” à cozinha molecular, impossível não ter grandes experiências gastronômicas ali. Seus vinhos, então, uma loucura.

No quesito hotelaria, ainda tem muito que melhorar, mas ganhou um hotelaço no final de 2009 que é o único na América do Sul, o W, que é mesmo hors-concours. Na hora das compras, shoppings imensos (como o Parque Arauco) e boutiques pra lá de estilosas estão por toda parte. E as atrações são adoráveis, dos parques aos excelentes museus (adoro os museus de Santiago, mesmo).
Só em um quesito Santiago ainda não é tão legal: preços. A cidade ainda é relativamente cara, se compararmos, por exemplo, com as pechinchas portenhas. Mas já não fica cara se compararmos os preços de alguns restaurantes com similares em São Paulo. Na hotelaria, então, a diferença é gritante.
Então, no final das continhas, compensa. E muito. Ainda mais com toooooda aquela cordilheira maravilhosa ao redor e a tranquilidade perfumada de suas ruas.

Stay tunned: os próximos posts serão todos sobre Santiago e as delícias que experimentei por lá nessa curta e adorável escala da viagem a Valle Nevado.

P.S.: tem posts de Santiago rolando também lá no Saia pelo Mundo.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

About the author

Mari Campos é jornalista formada e especializada em turismo e lifestyle de luxo, e colabora exclusiva e regularmente como freelancer há mais de treze anos com textos e fotos sobre o tema para portais, revistas e jornais no Brasil e em outros oito países. O conteúdo deste post foi elaborado e decidido pela autora tendo como único critério a relevância do assunto para os leitores do MariCampos.com. A menos que esteja escrito explicitamente "post patrocinado" em letras maiúsculas no início do texto do post, não há qualquer tipo de vínculo ou parceria comercial/editorial com as empresas, estabelecimentos e/ou serviços citados no texto nem qualquer tipo de remuneração pelo mesmo.