O curioso mundo dos cruzeiros

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

Quem me conhece sabe que eu adoro navios. Adoro. Eis aí, seja qual for o destino, uma experiência turística verdadeiramente democrática: há espaço – e de sobra! – para casais em lua de mel, turmas grandes, amigas viajando juntas, famílias com crianças e muita gente que viaja sozinha ( e que não se sente, ali, solitário de maneira nenhuma).


A verdade é que eu não gostei nadinha do primeiro cruzeiro que fiz. Não gostei da cabine com jeito de quarto de hospital, não gostei da comida sem sabor, não gostei do pouco espaço disponível para uma quantidade grande de passageiros. Mas, a partir do segundo cruzeiro que fiz, me apaixonei pela navegação, pelo universo extremamente particular dos cruzeiros.

Hoje, muitos cruzeiros depois, me sinto cada vez mais “em casa” quando estou navegando. Tanto que passei 17 dias fazendo a travessia do Atlântico para chegar aqui na Europa dessa vez. Eis aí uma excelente sugestão para quem quer aproveitar os descontos para reservas antecipadas para o próximo verão. Apesar da conturbada última temporada que tivemos no Brasil, continuo recomendando – e muito – os cruzeiros como bom programa para as férias – boa comida, entretenimento, escalas em cidades interessantes… tudinho no mesmo pacote. E tem até navio que opera all-inclusive, sem cobrar nem pelas bebidas consumidas. Só devo complementar que, além da agradabilíssima sensação de estar “em alto-mar”, minha paixão pelos cruzeiros está, sobretudo, relacionada às experiências humanas que eles podem nos proporcionar. Em poucos dias, é possível fazer amizades duradouras. Sem falar em pessoas que podem revelar-se fontes inesgotáveis de conhecimento. Experimente. Eu já ando pensando no próximo…
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

About the author

Mari Campos é jornalista formada e especializada em turismo e lifestyle de luxo, e colabora exclusiva e regularmente como freelancer há mais de treze anos com textos e fotos sobre o tema para portais, revistas e jornais no Brasil e em outros oito países. O conteúdo deste post foi elaborado e decidido pela autora tendo como único critério a relevância do assunto para os leitores do MariCampos.com. A menos que esteja escrito explicitamente "post patrocinado" em letras maiúsculas no início do texto do post, não há qualquer tipo de vínculo ou parceria comercial/editorial com as empresas, estabelecimentos e/ou serviços citados no texto nem qualquer tipo de remuneração pelo mesmo.