O lago Ness (e sem Monstro)

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

 Meu encontro com o Lago Ness (Loch Ness para os escoceses) foi já na saída das Highlands – tomei a cênica A82, considerada uma das estradas panorâmicas mais bonitas do mundo, e mandei ver na roadtrip entre Inverness e Edimburgo .

 A viagem é looooonga e leva pelo menos seis horas de chão, sem contar as eventuais paradas – mas vale a pena, porque a paisagem é mesmo linda, linda, linda o tempo todo. Cerca de duas horas depois de sair já estamos em companhia do imenso Lago Ness – são 27 milhas de extensão, uma loucura.

 A lenda do Monstro continua movimentando (e muito) a economia local – de atrações a souvenirs. E eles brincam mesmo com  a coisa, propondo aqui e ali instalações que “simbolizem” o monstro à beira do lago, como na foto acima.

 Dizem que o Lago é muito profundo e até hoje há cientistas estudando como se formaram as “cavernas” existentes em diversos pontos.

tá vendo o monstro? ;

 O mais legal é visitar o belo castelo de Urquhart (7,40 libras o ingresso), que fica bem às margens do lago. O castelo foi todo destruído, ficaram apenas as ruínas – e talvez seja ainda mais lindo por isso.

 Quando o lago está chegando o “final”, existem sensacionais eclusas em sequência (chamadas ali de Water Stairs, porque ficam mesmo em “escadinha”) e conectam o Ness com outros 3 grandes lagos da região.

 E eu dei uma sorte DANADA com o tempo, como vocês podem ver – fez um dia lindo, perfeito para aproveitar as paisagens do lago.

As fotos aqui estão todas no sistema #nofilter e o passeio todinho foi, felizmente, no sistema #nomonster ;)))))

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

About the author

Mari Campos é jornalista formada e especializada em turismo e lifestyle de luxo, e colabora exclusiva e regularmente como freelancer há mais de treze anos com textos e fotos sobre o tema para portais, revistas e jornais no Brasil e em outros oito países. O conteúdo deste post foi elaborado e decidido pela autora tendo como único critério a relevância do assunto para os leitores do MariCampos.com. A menos que esteja escrito explicitamente "post patrocinado" em letras maiúsculas no início do texto do post, não há qualquer tipo de vínculo ou parceria comercial/editorial com as empresas, estabelecimentos e/ou serviços citados no texto nem qualquer tipo de remuneração pelo mesmo.