O melhor vinho da viagem à Mendoza

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

Um monte de gente tem me perguntado, afinal, qual meu vinho predileto da viagem à Mendoza. Já elogiei aqui vários dos Terrazas de los Andes que tomei – Reserva Torrontés 2009, Afincado Malbec 2007 e Afincado Tardio são meus preferidos – mas vale dizer que gosto é algo extremamente pessoal, certo?
Bom, eu, na minha modestíssima opinião, diria que o melhor foi o Cheval des Andes 2002. Provei também, e também adorei, o recentemente lançado Grand Cru Cheval des Andes 2006, do qual todo mundo anda falando, já que recebeu 96 pontos do ubber critico Robert Parker – mas eu, honestamente, beberia o 2006 daqui uns 2 anos. Já o 2002 achei absolutamente perfeito pra beber agora, já.
E outro ótimo vinho que provei na viagem foi o Malamado, da Família Zuccardi, fabuloso malbec de colheita tardia que lembra muito o vinho do Porto, perfeito para acompanhar sobremesas de chocolate, foie e queijos azuis. O Malamado Extra Dry, que deve ser bebido bem gelado, também achei muito bom e intenso – mas o Malbec de longe me agradou mais.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

About the author

Mari Campos é jornalista formada e especializada em turismo e lifestyle de luxo, e colabora exclusiva e regularmente como freelancer há mais de treze anos com textos e fotos sobre o tema para portais, revistas e jornais no Brasil e em outros oito países. O conteúdo deste post foi elaborado e decidido pela autora tendo como único critério a relevância do assunto para os leitores do MariCampos.com. A menos que esteja escrito explicitamente "post patrocinado" em letras maiúsculas no início do texto do post, não há qualquer tipo de vínculo ou parceria comercial/editorial com as empresas, estabelecimentos e/ou serviços citados no texto nem qualquer tipo de remuneração pelo mesmo.