Páscoa com Brunch no Four Seasons: very newyorkish

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

Encontrei os trips queridos que “brunchavam” no Park Avenue, mas não comi por lá. É que já tinha um brunch agendado no ótimo restaurante do Four Seasons New York, considerado um dos melhores da cidade e super frequentado por new yorkers mesmo, que têm por hábito fazer essa refeição por lá aos sábados e domingos.

O ambiente é pequeno, informal, mas muito elegante e aconchegante. E o serviço é ótimo, claro, como semptre acontece nos hotéis da rede. Para o brunch você escolhe entrada, prato e sobremesa; como era um brunch especial de Páscoa, as bebidas alcóolicas estavam sendo pagas separadamente. E mais pães, croissants, geléias etc.
Eu comecei com esse excelente warm goat chesse, que estava maravilhoso (acima).

E acho que não podia ter feito escolha melhor para o prato principal – o risotto de lagosta estava simplesmente divino, maravilhoso, irretocável, uma loucura. Com MUITA lagosta, delícia.


A sobremesa era um trio degustação comum a todos os clientes, e estava deliciosa também – acompanhada de café, chá, capucchino ou qualquer outra bebida do gênero, é claro.

O detalhe fofo: à saída, todos os clientes ganhavam um lindo coelho de chocolate e um pacotinho de deliciosos macarrons artesanais, fofíssimo.
Em tempo: acho que eu e um outro casal de brasileiros numa das mesas próximas eramos os únicos estrangeiros do local. Very newyorkish :-)))))
Provado e aprovadíssimo.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

About the author

Mari Campos é jornalista formada e especializada em turismo e lifestyle de luxo, e colabora exclusiva e regularmente como freelancer há mais de treze anos com textos e fotos sobre o tema para portais, revistas e jornais no Brasil e em outros oito países. O conteúdo deste post foi elaborado e decidido pela autora tendo como único critério a relevância do assunto para os leitores do MariCampos.com. A menos que esteja escrito explicitamente "post patrocinado" em letras maiúsculas no início do texto do post, não há qualquer tipo de vínculo ou parceria comercial/editorial com as empresas, estabelecimentos e/ou serviços citados no texto nem qualquer tipo de remuneração pelo mesmo.