Perugia: o que fazer em uma manhã

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×
A catedral dos templários…

 Perugia é uma cidade gracinha da Úmbria que muita gente visita quando passeia pela Toscana. E, nessa caso, geralmente visitam no mesmo dia Arezzo ou Cortona, não sobrando muito tempo para curtir essa capital italiana do chocolate.
Então aqui vai uma sugestão bem resumidinha do que fazer em uma manhã perfeita pela cidade:

… um dos afrescos…

 – Primeiro, antes de entrar na cidade antiga, checar as reminiscências dos cavaleiros templários na cidade visitando a bela Catedral Bevignate. Estão ali as ruínas, os afrescos e detalhes fascinantes para quem é fã da história (e das lendas) deles.

… e os subterrâneos

 – Entrar para cidade amuralhada é por si só uma baita experiência: são escadas rolantes que separam o ‘”cotidianismo” da cidade fora dos muros das ruínas etrucas e da verdadeira “cidade perdida” (antigas lojas, mercados, casas) literalmente dentro das muralhas. Ruelas medievais que mostram o que já foi um dia a fortaleza Rocca Paolina – uma outra Perugia no underground da cidade italiana – e o Pozzo Etrusco. Impressionante.

 – o artista mais famoso da cidade, Pietro Vannucci, o Perugino, que teve como pupilo o renascentista Rafael, deixou suas marcas em Perugia, claro. Dá pra ver obra dos dois simultaneamente num afresco da bela (e minúscula) Capella di San Severo, na Piazza Raffaello. E tem muito mais Perugino na cidade, é claro, sobretudo na Galleria Nazionale dell´Umbria, que seguramente vale muito a visita (só o Palazzo dei Priori, do século XIII, onde a galeria está localizada, já vale).

 – a cidade é boa de caminhar dentro e fora muro. Segura, tranquila, gostosa mesmo, seja nas lojinhas, no cafés, restaurantes, cantinhos.

 – e claro, uma paradinha para pelo menos um café olhando o movimento da Piazza IV Novembre pra descansar as pernas 😉

O belo prédio da Galleria Nazionale

 Boa pedida é aproveitar o tour em Perugia para almoçar no excelente Il Postale, o restaurante com estrela no Michelin que fica dentro do bucólico hotel Castello di Monterone.  Quem tem mais tempo, pode liberar seu lado Willy Wonka e fazer o tour guiado da fábrica Perugina (5 euros) e provar um dos clássicos Baci in loco.

A cidade vista intra-muri…
… e fuora-muri
Uma das portas da muralha que rodeia a cidade antiaga 

Cidade fofura.

Dica 1: pra quem tem bastante tempo em Roma , trata-se de uma bela opção de escapada de um dia, tipo bate-e-volta.

Dica 2: quem vai de trem desce afastado do centro histórico; dali o melhor é tomar o trenzinho tipo metromover que leva quase até as muralhas para ganhar tempo no passeio.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

About the author

Mari Campos é jornalista formada e especializada em turismo e lifestyle de luxo, e colabora exclusiva e regularmente como freelancer há mais de treze anos com textos e fotos sobre o tema para portais, revistas e jornais no Brasil e em outros oito países. O conteúdo deste post foi elaborado e decidido pela autora tendo como único critério a relevância do assunto para os leitores do MariCampos.com. A menos que esteja escrito explicitamente "post patrocinado" em letras maiúsculas no início do texto do post, não há qualquer tipo de vínculo ou parceria comercial/editorial com as empresas, estabelecimentos e/ou serviços citados no texto nem qualquer tipo de remuneração pelo mesmo.