Relais Relax

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×
Na foto, um dos tratamentos exclusivos das termas do Bolian Resort & Spa, na China

Na foto, um dos tratamentos exclusivos das termas do Bolian Resort & Spa, na China

Relais&Chateaux, famosa pela excelência de seus restaurantes, investe pesado também em seus spas

 

 

 

 

É sabido que a chancela Relais&Chateaux num hotel é garantia de um excelente restaurante na propriedade. Mas a associação internacional de hotelaria e gastronomia agora investe pesado também nos spas de 157 de suas propriedades espalhadas pelo mundo.

 

Há belos spas instalados em chalés nas montanhas canadenses, em construções vitorianas à beira-mar, em templos japoneses, em fazendas francesas… e também no Brasil, como no premiado Txai Resort em Itacaré, cujo spa Shamash é rodeado por palafitas, coqueiros e praia de areia branquinha.

A ideia é que, além de tratamentos tradicionais, cada spa tenha agora também um tratamento singular, relacionado com a natureza e/ou a cultura local. Da Nova Inglaterra à Índia, das montanhas chinesas (onde o Bolian Resort & Spa oferece degustação de chá Pu’er no tratamento com cerca de 20 bacias de água termal quente) à Portugal, todos os spas com a chancela da rede criaram experiências exclusivas – e estão abertos também a não-hóspedes.

Eu gosto – e bastante – dos hotéis e restaurantes da associação. Ainda não experimentei, mas acho que agora vale a pena, sim, ficar de olho também nos spas.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

About the author

Mari Campos é jornalista formada e especializada em turismo e lifestyle de luxo, e colabora exclusiva e regularmente como freelancer há mais de treze anos com textos e fotos sobre o tema para portais, revistas e jornais no Brasil e em outros oito países. O conteúdo deste post foi elaborado e decidido pela autora tendo como único critério a relevância do assunto para os leitores do MariCampos.com. A menos que esteja escrito explicitamente "post patrocinado" em letras maiúsculas no início do texto do post, não há qualquer tipo de vínculo ou parceria comercial/editorial com as empresas, estabelecimentos e/ou serviços citados no texto nem qualquer tipo de remuneração pelo mesmo.