Ubatuba: o paraíso logo ao lado

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

Diz a lenda que Ubatuba é hoje para paulistas e paulistanos o que o Guarujá já foi há alguns anos: o refúgio para o final de semana. A pouco mais de 3h de viagem da capital, a cidade tornou-se o endereço predileto para casas de veraneio e finais de semana na praia. O setor imobiliário da cidade não tem absolutamente do que reclamar. Mas, convenhamos, o centro da cidade está decadente; o melhor de Ubatuba fica às margens da Rio-Santos, no trecho que separa o centrinho de Paraty. Um dos melhores exemplos é a praia da Almada, a 44km do centro da cidade, com aquele quê deserto e paradisíaco que todos nós esperamos de um bom destino de praia. Ainda assim, sem perder seu charme nativo, a praia já possui infraestrutura com pequenos quiosques e restaurantes e uma pousada. As construções para veraneio também começam a tomar fôlego nas encostas, já que o lugar está sendo descoberto por cada vez mais gente – quem foi, sempre volta. Além do mar de águas calmas e da areia com aquele jeitinho de vila de pescadores, é possível fazer trilhas interessantíssimas pela encosta – nos pontos mais altos é possível deleitar-se com a visão da baía de Ubatumirim. Se você ainda não tem onde ficar, experimente a simpática Pousada Casa Milá (www.casamila.com.br), de um casal de arquitetos – fica 150metros acima do nível do mar numa propriedade rústica de 22 mil metros quadrados de mata atlântica, com uma vista de tirar o fôlego. As diárias para casal começam a R$ 136 e as reservas podem ser feitas pelo telefone (12) 3832-9021.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

About the author

Mari Campos é jornalista formada e especializada em turismo e lifestyle de luxo, e colabora exclusiva e regularmente como freelancer há mais de treze anos com textos e fotos sobre o tema para portais, revistas e jornais no Brasil e em outros oito países. O conteúdo deste post foi elaborado e decidido pela autora tendo como único critério a relevância do assunto para os leitores do MariCampos.com. A menos que esteja escrito explicitamente "post patrocinado" em letras maiúsculas no início do texto do post, não há qualquer tipo de vínculo ou parceria comercial/editorial com as empresas, estabelecimentos e/ou serviços citados no texto nem qualquer tipo de remuneração pelo mesmo.