ABAV projeta expectativa de crescimento de 18% no turismo brasileiro

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

O 35º Congresso Brasileiro das Agências de Viagem (Abav 2007) apresentou dados animadores sobre o turismo brasileiro. Estatísticas divulgadas prevêm um crescimento de 18% no turismo brasileiro neste ano de 2007.
Durante a abertura do evento, que aconteceu no Rio, a ministra Marta Suplicy revelou aumento na quantidade de desembarques domésticos e internacionais no Brasil, afirmando que o ministério do turismo “está fazendo sua parte”, investindo em programas de desenvolvimento do turismo nacional. Apesar das dificuldades com o sistema operacional aéreo enfrentadas neste ano, a ministra disse preferir “não antecipar os problemas” e confiar nos bons resultados de todos os programas de incentivo em andamento. Marta disse também ter se reunido com representantes da American Airlines, Delta, Continental e United e que todas as compahias confirmaram intenção de voar para o Nordeste.
Os dados revelados na Abav 2007 mostram que em setembro deste ano houve aumento de quase 9% no número de desembarques internacionais em relação ao mesmo período do ano passado, com crescimento de 11,3% nos desembarques regulares. Os bons números, segundo a Embratur, são fruto também das campanhas agressivas do turismo brasileiro feitas no exterior, em locais como Nova York e Londres , e à retomada da oferta de vôos do Brasil para Estados Unidos e Europa. A desvalorização do dólar em relação ao euro e à libra também pode contribuir até o final do ano para o aumento do número de turistas americanos no Brasil.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 0 Flares ×

About the author

Mari Campos é jornalista formada e especializada em turismo e lifestyle de luxo, e colabora exclusiva e regularmente como freelancer há mais de treze anos com textos e fotos sobre o tema para portais, revistas e jornais no Brasil e em outros oito países. O conteúdo deste post foi elaborado e decidido pela autora tendo como único critério a relevância do assunto para os leitores do MariCampos.com. A menos que esteja escrito explicitamente "post patrocinado" em letras maiúsculas no início do texto do post, não há qualquer tipo de vínculo ou parceria comercial/editorial com as empresas, estabelecimentos e/ou serviços citados no texto nem qualquer tipo de remuneração pelo mesmo.