Curso no exterior – vale a pena?

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

Siiiiiiiiiiiiiiim!!! Essa é a minha resposta, sem sombra de dúvida! Intercâmbio, cursos de línguas, pós, MBA, acho que tudo vale a pena. Bom, eu particularmente acho que quase toda experiência no exterior é válida, porque mexe com valores, ideais, sentimentos, pessoas… Sim, concordo que os melhores cursos no exterior são muito caros. Fazer um bom MBA na europa pode custar mais que um belo apartamento em bairro nobre no Brasil – e sem liquidez… Mas os curso de línguas ou cursos curtos, tipo os cursos de verão, são ótimas opções para mexer com a carreira e com o lado pessoal ao mesmo tempo, por preços bastante razoáveis. Dá pra fazer curso de 15 dias ou de 1 mês, dentro de seu próprio período de férias.

Minha única experiência de estudo no exterior foi na cidade de Salamanca, na Espanha, e eu sou só recomendações! Já “encaminhei” cinco pessoas pra lá depois da minha ida. Amei a experiência, que me é válida até hoje, pelos amigos que fiz, pela viagem maravilhosa e pelo meu espanhol, que ficou bem razoável. Quem quiser ûma boa referência, pode entrar em www.learningspanish-spain.com, da escola Isla. A cidade de Salamanca é referência internacional em ensino, especialmente da língua espanhola – além de ser lindíssima e baladeiríssima, o que, é claro, já rende assunto para uma outra postagem. Quem preferir, em Salamanca fica também a Universidad de Salamanca, a segunda mais antiga e tradicional da europa, que também tem ótimos cursos de espanhol e cursos de verão acessíveis para quase todas as áreas (comunicação, engenharias, letras, marketing…). Outra vantagem é que o custo de vida na cidade é bastante baixo, o que facilita muito as coisas. Um pouco mais caros, mas muito interessantes, são os cursos de línguas associados a outras áreas, como francês + culinária em Paris, francês + cinema em Nice, italiano + vinhos em Milão, italiano + artes em Florença. Até a Argentina entrou na onda e está arrastando um monte de brasileiros para estudar espanhol (castelhano, na verdade…) lá. E vamos ser francos: os preços são ótimos, já que o custo de vida é mais baixo que o nosso, a nossa moeda vale mais (pelo menos por enquanto), há vida cultural e noturna intensa na capital e até a passagem aérea é barata.
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

About the author

Mari Campos é jornalista formada e especializada em turismo e lifestyle de luxo, e colabora exclusiva e regularmente como freelancer há mais de treze anos com textos e fotos sobre o tema para portais, revistas e jornais no Brasil e em outros oito países. O conteúdo deste post foi elaborado e decidido pela autora tendo como único critério a relevância do assunto para os leitores do MariCampos.com. A menos que esteja escrito explicitamente "post patrocinado" em letras maiúsculas no início do texto do post, não há qualquer tipo de vínculo ou parceria comercial/editorial com as empresas, estabelecimentos e/ou serviços citados no texto nem qualquer tipo de remuneração pelo mesmo.