Gâite Lyrique: para mim, o museu mais divertido de Paris

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

 Talvez a maior surpresa dessa última viagem a Paris tenha sido justamente um local cuja existência em ignorava totalmente: o centro de estudos visuais da Gâite Lyrique. 

 Museu que, desde então, eu recomendo de maneira ENFÁTICA (assim mesmo, na base caps lock) a todo mundo que quiser descontrair e visitar um museu interativo de verdade – principalmente quem viajar com crianças e adolescentes. 

Todo mundo pula junto para produzir melodia e efeitos visuais

 Fazia tempo que eu não me divertia tanto num museu. Ali, viramos todos crianças já nas primeiras salas. É tudo interativo, para tocar, pular, brincar – quem quer, pode pedir na entrada uma cartela que confere à visita o status de um “jogo”, com direito a prêmios no final e tudo. 

A ópera interativa: simplesmente fantástica

 Uma instalação mais genial que a outra; e tudo numa linguagem mais que perfeita para esses dias cibernéticos que vivemos atualmente, em que tudo tem que ser rápido e instigante. 

A amarelinha sincronizada, para fazer em equipe:  supérb

Em cada sala, a gente via muito mais adultos jogando que crianças e adolescentes, mais tímidos, que mais assistiam que qualquer coisa. Jogos inteligentíssimos com a proposta de que a “casa” (museu) está falando com você e sente o que você sentir em cada experiência. Repito: ge-ni-al. 

 Não bastasse o museu sensacional, o foyer da antiga ópera (cujo prédio o museu ocupa hoje) foi mantido com pisos, lustres e paredes originais e transformado num aconchegante café – com direito a um balcão maxi contemporâneo, hypadissimo, é claro. 

O balcão modernoso do café no lindo foyer

Se você for a Paris, vá. Garanto que não vai se arrepender. 

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

About the author

Mari Campos é jornalista formada e especializada em turismo e lifestyle de luxo, e colabora exclusiva e regularmente como freelancer há mais de treze anos com textos e fotos sobre o tema para portais, revistas e jornais no Brasil e em outros oito países. O conteúdo deste post foi elaborado e decidido pela autora tendo como único critério a relevância do assunto para os leitores do MariCampos.com. A menos que esteja escrito explicitamente "post patrocinado" em letras maiúsculas no início do texto do post, não há qualquer tipo de vínculo ou parceria comercial/editorial com as empresas, estabelecimentos e/ou serviços citados no texto nem qualquer tipo de remuneração pelo mesmo.