Os lindos geiseres de El Tatio

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

Sabe quando ta tao legal ficar batendo papo com um monte de gente diferente, sob o estreladissimo ceu do Atacama, tomando um bom carmenere, que vc ate esquece que seu tour no dia seguinte sai as cinco da matina? Entao, aconteceu comigo.
Depois de 3 horas de sono basicamente, saimos do hotel em van rumo aos Geisers del Tatio. O caminho eh meio trash, todo escuro, em rotas bastante, digamos, primitivas. Mas eh lindo de morrer – noite escura, ceu estrelado, vc ve a lua lentamente saindo de cena ate dar lugar aos primeiros raytos de sol. O unico senao eh que sacoleja – e muito – por uma hora e meia (eu cheguei la no parque quase chamando o Hugo, assim como N outras pessoas).
Vc desce da van num frio de menos 7 graus centigrados. Todo mundo encapotado ate a alma. GELADO. Mas dai vc ve isso
E isso
E cada van de excursao depois de muito passear pelo parque toma seu cafe da manha ali mesmo, uma graca. O nosso teve direito ate a chocolate quentissimo, alem de todos os itens tradicionais do cafe da manha da regiao – pao, queijo branco e amarelo, presunto e pasta de abacate, alem de bolo, biscoitos, cafe,cha etc.Dai o sol vai nascendo e a gente vai avancando, ate chegar num cenario bem mais quentinho
E o dia termina no curioso povoado de Machuca (sim!) que tinha orginalmente 30 habitantes (!!!), mas a maioria se mudou pra San Pedro do Atacama pra tentar emprego melhor. Sobraram 4 – e estavam todos la. Alias, um deles, faz um dinheiro absurdo vendendo espetinhos de carne de (reza a lenda) lhama, a cinco dolares cada um. Eu contei: em menos de cinco minutos, o cara vendeu mais de cem, so ali na minha frente. Imagina como a semana dele eh boa?
Pobres lhamas…

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

About the author

Mari Campos é jornalista formada e especializada em turismo e lifestyle de luxo, e colabora exclusiva e regularmente como freelancer há mais de treze anos com textos e fotos sobre o tema para portais, revistas e jornais no Brasil e em outros oito países. O conteúdo deste post foi elaborado e decidido pela autora tendo como único critério a relevância do assunto para os leitores do MariCampos.com. A menos que esteja escrito explicitamente "post patrocinado" em letras maiúsculas no início do texto do post, não há qualquer tipo de vínculo ou parceria comercial/editorial com as empresas, estabelecimentos e/ou serviços citados no texto nem qualquer tipo de remuneração pelo mesmo.