Testando o novo Lumia 800 com Windows Phone

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

O Lumia chegando em casa com a cartinha-convite para o teste

 Antes de embarcar na última viagem (que ainda não começou a aparecer aqui no blog, por sinal), recebi um convite, no mínimo, inusitado: a Nokia me ofereceu emprestado um Nokia Lumia 800 (pink, gente, pink!!!) para eu testar na estrada. Como o inusitado é sempre instigante, aceitei.

A tela personalizada, pra combinar a cor do aparelho que me acompanhou na viagem

 Agora por que o aparelho seria tão legal para um viajante a ponto de me convidarem a testar? Dois pontos, sobretudo: o sempre excelente sinal para captação de wifi e o di-vi-no GPS. Pois é. Pra gente que vive “à caça” de um sinal de wifi quando está na estrada, isso é importantisissíssimo, como diriam o Chavez e a Poeta. Achei o Lumia é rapidíssimo, estável, bem potente mesmo para captar sinais distantes – só com a qualidade e estabilidade do wifi o aparelho já me ganhou.
Ele é robustinho mas não chega a ser pesado, não; das outras apps que eu curti muito, destaco o Nokia Maps traz as infos de trânsito (com direito a imagens de satélite) e do transporte público do local onde você se encontra – até lá no fim do mundo da patagônia chilena ele abriu as rotas (totalmente desobstruídas! hahahaha). E como vem também como Nokia Drive, dá pra usar os mapas offline tanto como mapas em si como também para propor rotas,  caminhos e itinerários – bem útil para o caso de cidades grandes.

Aqui fotinho retirada do site da Nokia

O deslize da tela para os serviços e aplicativos é bem legal: pode ser feito tanto vertical como horizontalmente, com menus diferentes. E sai ganhando também na possibilidade de integrar as nossas continhas do Twitter, do Facebook e até do MSN tudo no mesmo lugar – assim como direcionar todas as nossas contas de email pra mesma caixinha (bingo!). E, pra quem usa smartphone também para trampar emergencialmente da estrada como eu, o fato de vir com um aplicativo do Office (Word e Excell included) instalado for free é uma mão na roda.
Para baixar as apps a gente usa o MarketPlace (curti muito) e para as músicas, o Zune (não curti muito, não; ainda estou me acostumando). A oferta de apps é legal e baixa rapidinho, isso é verdade. O único senão? Não tem Instragram. E, well, vocês sabem que eu sou viciada no negocinho em viagem, né? Só não morri de saudades do Instagram porque eu sempre carrego meu iPod comigo 🙂
Com preço sugerido de mercado desde R$1549, opera em sistema Windows Phone e tem câmera traseira de 8MP com dual flash.
Ó, Nokia, não quero devolver mais não, tá? 😉

Atualização: esse não é um post patrocinado, não. O aparelho foi devolvido para a Nokia no dia 15 de junho. 

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

About the author

Mari Campos é jornalista formada e especializada em turismo e lifestyle de luxo, e colabora exclusiva e regularmente como freelancer há mais de treze anos com textos e fotos sobre o tema para portais, revistas e jornais no Brasil e em outros oito países. O conteúdo deste post foi elaborado e decidido pela autora tendo como único critério a relevância do assunto para os leitores do MariCampos.com. A menos que esteja escrito explicitamente "post patrocinado" em letras maiúsculas no início do texto do post, não há qualquer tipo de vínculo ou parceria comercial/editorial com as empresas, estabelecimentos e/ou serviços citados no texto nem qualquer tipo de remuneração pelo mesmo.