Tailândia fora do óbvio

53 Flares Twitter 7 Facebook 35 Google+ 10 Pin It Share 1 53 Flares ×

Sukhothai Sukhothai e o parque nacional Khao Sok foram os dois grandes highlights da minha última viagem

 

 

 

 

 

 

Voltei à Tailândia agora, enfim, depois de exatos oito anos da primeira visita. Guardo pela Tailândia um carinho todo especial: foi meu primeiro contato com a Ásia e por isso tive a primeira viagem para lá na minha memória como uma das mais especiais por muito tempo, por diversos fatores.

Tailândia

Mas, ao longo deste período, o país mudou, e muito, e eu mudei também, é claro. O trânsito em Bangkok piorou e a cidade está mais ocidentalizada; por outro lado, a vibe cosmopolita se intensificou e hoje são muitos os lugares legais para comer bem e tomar belos drinks com vista para o skyline cada vez mais surpreendente. Os preços por lá também subiram bastante mas, de uma maneira geral, continua sendo um destino bem barato para brasileiros – da comida de rua à hotelaria de luxo – e tem ainda mais opções de boas compras agora, dos mercados de rua às lojas de grife internacionais e jovens estilistas locais.

Tailândia

Na primeira vez que visitei o país, fiz a tríade básica do turista em primeira visita à Tailândia: Bangkok (mais day tour a Ayuthaya), os templos do norte (arrozais de Chiang Mai incluídos) e as praias do sul (Phi Phi islands incluídas). Desta vez, até repeti alguns destinos da primeira viagem (inclusive Bangkok, é claro, que eu adoro) mas também visitei outros, dos quais dois merecem destaque: Sukhothai, no norte do país, e o sensacional parque nacional Khao Sok, no sul.

Tailândia

Minha lembrança mais latente de Sukhothai, preciso confessar, é o calor. Acho que nunca passei tanto calor na minha vida quanto lá – chegamos a pegar 43 graus sob um sol inclemente, suando em bicas o tempo todo. Mas a cidade foi uma das melhores surpresas da viagem. Localizada mais de 400km ao norte de Bangkok, às margens do rio Yom (um dos afluentes do Chao Phraya), é pequenininha (pouco mais de 30 mil habitantes na parte antiga) mas cheia de lindezas.

SukhothaiSukhothaiSukhothaiSukhothai

Capital do primeiro reino Tailandês, que chegou a ser chamado justamente de Reino de Sukhothai, sua atração mais famosa é o belíssimo Parque Histórico de Sukhothai, que possui ruínas lindas de mais de 190 templos – e é suuuuper fotogênico tanto ao amanhecer quanto ao por-do-sol (os horários mais lindos e também mais adequados por causa do calor). Um pouco mais afastados, já pros lados da chamada Nova Sukhothai (a parte grande e moderna da cidade), ainda resistem bairros de artesãos que trabalham com esmero e puro talento manual madeira, porcelana e argila.

SukhothaiSukhothaiSukhothaiSukhothaiSukhothaiSukhothai

E Sukhothai tem o aeroporto mais gracinha que já vi na vida: pequeninho mas quase todo ao ar livre, com direito a bondinho para levar e trazer os passageiros entre terminal e avião, wifi aberto e lanchinhos e refrescos para todos – e um mini zoo anexo!

Tailândia

Voando a Phuket ou Krabi, os dois destinos de praia mais famosos internacionalmente da Tailândia, outra grande pedida para sair do roteiro básico é encarar uma aventura mais off the beaten, visitando o belíssimo Khao Sok National Park. Este parque nacional no sul do país é coberto por uma das mais antigas florestas tropicais do mundo e pontuado por imensos rochedos de pedra calcária que parecem “brotar” do meio das águas, compondo talvez o cenário mais lindo que eu já vi no país.  Além disso, é tomado por vales, cavernas, imensos lagos (como o sensacional Cheow Larn Lake, bem no coração do parque), flora fascinante e alguns exemplos curiosos de vida selvagem local.

Khao Sok ParkKhao Sok Park

No menu de atividades de quem visita o parque estão a possibilidade de encontros com elefantes em centros de preservação da espécie, trekkings pela floresta, andar de caiaque nos lagos e visitas aos mercados de rua dos pequenos vilarejos da região. De Phuket ou Krabi é bem fácil chegar lá em carro alugado, táxi ou vans de excursão (melhor opção) – e de Khao Lak e Koh Samui, outros destinos populares no litoral sul, também – numa distância de cerca de duas horas.

TailândiaTailândiaKhao Sok Park

Estes foram os dois highlights da minha viagem de agora ao país. Mas é só o começo da novela; aguarde que ainda tem Bangkok, thai massage e muito mais Tailândia ainda por vir por aqui 😉

 

53 Flares Twitter 7 Facebook 35 Google+ 10 Pin It Share 1 53 Flares ×

About the author

Mari Campos é jornalista formada e especializada em turismo e lifestyle de luxo, e colabora exclusiva e regularmente como freelancer há mais de treze anos com textos e fotos sobre o tema para portais, revistas e jornais no Brasil e em outros oito países. O conteúdo deste post foi elaborado e decidido pela autora tendo como único critério a relevância do assunto para os leitores do MariCampos.com. A menos que esteja escrito explicitamente "post patrocinado" em letras maiúsculas no início do texto do post, não há qualquer tipo de vínculo ou parceria comercial/editorial com as empresas, estabelecimentos e/ou serviços citados no texto nem qualquer tipo de remuneração pelo mesmo.